356x237

Artista

Poo Bear

Sobre Poo Bear

Jason Boyd, o Poo Bear, compositor e produtor americano, construiu sua fama com criações inspiradas na black music. Nascido em 1979, aos 14 anos ele compôs para o grupo 112 o hit “Anywhere”. É de sua autoria também outro sucesso da banda, "Peaches & Cream", indicado ao Grammy 2002. Dois anos depois, Usher faturou o gramofone de Melhor Álbum de R&B Contemporâneo com Confessions, cuja faixa “Caught Up” também leva a assinatura de Poo Bear. Ele é coautor ainda de “She Ain't You”, presente em F.A.M.E., de Chris Brown, igualmente ganhador do Grammy de Melhor Álbum de R&B em 2011. Conhecido como o toque de midas por trás de dezenas de sucessos de Justin Bieber – com o astro pop canadense, ele compôs, entre outras, “What do You Mean?” e “All That Matter” –, Poor Bear saiu dos bastidores em 2014 para soltar a voz na mixtape Beats 2 Make Love 2. No Brasil, o músico ganhou destaque em setembro 2017 por causa de “Will I See You”, feita em parceria com Anitta e primeiro single do projeto da cantora batizado de CheckMate. No mesmo ano, Poo Bear colaborou com Skrillex na canção "Would You Ever”.

356x237

Poo Bear

Jason Boyd, o Poo Bear, compositor e produtor americano, construiu sua fama com criações inspiradas na black music. Nascido em 1979, aos 14 anos ele compôs para o grupo 112 o hit “Anywhere”. É de sua autoria também outro sucesso da banda, "Peaches & Cream", indicado ao Grammy 2002. Dois anos depois, Usher faturou o gramofone de Melhor Álbum de R&B Contemporâneo com Confessions, cuja faixa “Caught Up” também leva a assinatura de Poo Bear. Ele é coautor ainda de “She Ain't You”, presente em F.A.M.E., de Chris Brown, igualmente ganhador do Grammy de Melhor Álbum de R&B em 2011. Conhecido como o toque de midas por trás de dezenas de sucessos de Justin Bieber – com o astro pop canadense, ele compôs, entre outras, “What do You Mean?” e “All That Matter” –, Poor Bear saiu dos bastidores em 2014 para soltar a voz na mixtape Beats 2 Make Love 2. No Brasil, o músico ganhou destaque em setembro 2017 por causa de “Will I See You”, feita em parceria com Anitta e primeiro single do projeto da cantora batizado de CheckMate. No mesmo ano, Poo Bear colaborou com Skrillex na canção "Would You Ever”.

Sobre Poo Bear

Jason Boyd, o Poo Bear, compositor e produtor americano, construiu sua fama com criações inspiradas na black music. Nascido em 1979, aos 14 anos ele compôs para o grupo 112 o hit “Anywhere”. É de sua autoria também outro sucesso da banda, "Peaches & Cream", indicado ao Grammy 2002. Dois anos depois, Usher faturou o gramofone de Melhor Álbum de R&B Contemporâneo com Confessions, cuja faixa “Caught Up” também leva a assinatura de Poo Bear. Ele é coautor ainda de “She Ain't You”, presente em F.A.M.E., de Chris Brown, igualmente ganhador do Grammy de Melhor Álbum de R&B em 2011. Conhecido como o toque de midas por trás de dezenas de sucessos de Justin Bieber – com o astro pop canadense, ele compôs, entre outras, “What do You Mean?” e “All That Matter” –, Poor Bear saiu dos bastidores em 2014 para soltar a voz na mixtape Beats 2 Make Love 2. No Brasil, o músico ganhou destaque em setembro 2017 por causa de “Will I See You”, feita em parceria com Anitta e primeiro single do projeto da cantora batizado de CheckMate. No mesmo ano, Poo Bear colaborou com Skrillex na canção "Would You Ever”.

Sobre Poo Bear

Jason Boyd, o Poo Bear, compositor e produtor americano, construiu sua fama com criações inspiradas na black music. Nascido em 1979, aos 14 anos ele compôs para o grupo 112 o hit “Anywhere”. É de sua autoria também outro sucesso da banda, "Peaches & Cream", indicado ao Grammy 2002. Dois anos depois, Usher faturou o gramofone de Melhor Álbum de R&B Contemporâneo com Confessions, cuja faixa “Caught Up” também leva a assinatura de Poo Bear. Ele é coautor ainda de “She Ain't You”, presente em F.A.M.E., de Chris Brown, igualmente ganhador do Grammy de Melhor Álbum de R&B em 2011. Conhecido como o toque de midas por trás de dezenas de sucessos de Justin Bieber – com o astro pop canadense, ele compôs, entre outras, “What do You Mean?” e “All That Matter” –, Poor Bear saiu dos bastidores em 2014 para soltar a voz na mixtape Beats 2 Make Love 2. No Brasil, o músico ganhou destaque em setembro 2017 por causa de “Will I See You”, feita em parceria com Anitta e primeiro single do projeto da cantora batizado de CheckMate. No mesmo ano, Poo Bear colaborou com Skrillex na canção "Would You Ever”.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.