356x237

Artista

Peaches

Sobre Peaches

Peaches, nome artístico da canadense Merrill Beth Nisker (nascida em 1968), não tem meias palavras, nem meias medidas: sua música, mistura de punk rock com eletrônico, casa muito bem com sua figura performática em shows e vídeos – e com as letras com forte conteúdo de política, de gênero e de sexo. A cantora fez parte de bandas alternativas, e a carreira solo só decolou quando ela se mudou para Berlim e lançou The Teaches of Peaches, em 2002. Depois, vieram Fatherfucker, Impeach My Bush, e I Feel Cream. . Seu sexto álbum, Rub, de 2015, conta com vocais de Kim Gordon, Feist e Simonne Jones.

Artistas semelhantes

Ladytron, M.I.A., MIA, Miss Kittin, Noisettes, Yelle

356x237

Peaches

Peaches, nome artístico da canadense Merrill Beth Nisker (nascida em 1968), não tem meias palavras, nem meias medidas: sua música, mistura de punk rock com eletrônico, casa muito bem com sua figura performática em shows e vídeos – e com as letras com forte conteúdo de política, de gênero e de sexo. A cantora fez parte de bandas alternativas, e a carreira solo só decolou quando ela se mudou para Berlim e lançou The Teaches of Peaches, em 2002. Depois, vieram Fatherfucker, Impeach My Bush, e I Feel Cream. . Seu sexto álbum, Rub, de 2015, conta com vocais de Kim Gordon, Feist e Simonne Jones.

Sobre Peaches

Peaches, nome artístico da canadense Merrill Beth Nisker (nascida em 1968), não tem meias palavras, nem meias medidas: sua música, mistura de punk rock com eletrônico, casa muito bem com sua figura performática em shows e vídeos – e com as letras com forte conteúdo de política, de gênero e de sexo. A cantora fez parte de bandas alternativas, e a carreira solo só decolou quando ela se mudou para Berlim e lançou The Teaches of Peaches, em 2002. Depois, vieram Fatherfucker, Impeach My Bush, e I Feel Cream. . Seu sexto álbum, Rub, de 2015, conta com vocais de Kim Gordon, Feist e Simonne Jones.

Artistas semelhantes

Sobre Peaches

Peaches, nome artístico da canadense Merrill Beth Nisker (nascida em 1968), não tem meias palavras, nem meias medidas: sua música, mistura de punk rock com eletrônico, casa muito bem com sua figura performática em shows e vídeos – e com as letras com forte conteúdo de política, de gênero e de sexo. A cantora fez parte de bandas alternativas, e a carreira solo só decolou quando ela se mudou para Berlim e lançou The Teaches of Peaches, em 2002. Depois, vieram Fatherfucker, Impeach My Bush, e I Feel Cream. . Seu sexto álbum, Rub, de 2015, conta com vocais de Kim Gordon, Feist e Simonne Jones.

Artistas semelhantes

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.