356x237

Artista

Oba Oba Samba House

Sobre Oba Oba Samba House

O nome já deixa bem clara a mistura adotada por esse quarteto de Ribeirão Preto, interior paulista: samba/pagode com música eletrônica. Juntos desde 2010, Fernando Diniz, Cléber Tiso e Luciano Tiso tinham uma banda de rock e, durante um ensaio, começaram a improvisar um samba junto com um DJ. Chamaram o amigo Leco Cavallini e assim montaram o Oba Oba, que logo ficou conhecido com sua versão de “I Love You Baby”, em 2012. Além de versões – como de “Meu Erro”, dos Paralamas, e “Wonderwall”, do Oasis –, eles começam a investir em composições próprias, como “Moleque Danado”, que traz a participação de Lucas Lucco.

356x237

Oba Oba Samba House

O nome já deixa bem clara a mistura adotada por esse quarteto de Ribeirão Preto, interior paulista: samba/pagode com música eletrônica. Juntos desde 2010, Fernando Diniz, Cléber Tiso e Luciano Tiso tinham uma banda de rock e, durante um ensaio, começaram a improvisar um samba junto com um DJ. Chamaram o amigo Leco Cavallini e assim montaram o Oba Oba, que logo ficou conhecido com sua versão de “I Love You Baby”, em 2012. Além de versões – como de “Meu Erro”, dos Paralamas, e “Wonderwall”, do Oasis –, eles começam a investir em composições próprias, como “Moleque Danado”, que traz a participação de Lucas Lucco.

Sobre Oba Oba Samba House

O nome já deixa bem clara a mistura adotada por esse quarteto de Ribeirão Preto, interior paulista: samba/pagode com música eletrônica. Juntos desde 2010, Fernando Diniz, Cléber Tiso e Luciano Tiso tinham uma banda de rock e, durante um ensaio, começaram a improvisar um samba junto com um DJ. Chamaram o amigo Leco Cavallini e assim montaram o Oba Oba, que logo ficou conhecido com sua versão de “I Love You Baby”, em 2012. Além de versões – como de “Meu Erro”, dos Paralamas, e “Wonderwall”, do Oasis –, eles começam a investir em composições próprias, como “Moleque Danado”, que traz a participação de Lucas Lucco.

Sobre Oba Oba Samba House

O nome já deixa bem clara a mistura adotada por esse quarteto de Ribeirão Preto, interior paulista: samba/pagode com música eletrônica. Juntos desde 2010, Fernando Diniz, Cléber Tiso e Luciano Tiso tinham uma banda de rock e, durante um ensaio, começaram a improvisar um samba junto com um DJ. Chamaram o amigo Leco Cavallini e assim montaram o Oba Oba, que logo ficou conhecido com sua versão de “I Love You Baby”, em 2012. Além de versões – como de “Meu Erro”, dos Paralamas, e “Wonderwall”, do Oasis –, eles começam a investir em composições próprias, como “Moleque Danado”, que traz a participação de Lucas Lucco.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.