356x237

Artista

Marisa Monte

Sobre Marisa Monte

Uma das cantoras referenciais da música brasileira a partir dos anos 1990, Marisa de Azevedo Monte chegou a estudar canto lírico em Roma antes de estrear profissionalmente. Revelada em 1997 por Nelson Motta, que dirigiu seu primeiro show, Veludo Azul, ela logo se tornaria sensação com um repertório que trazia MPB, rock brasileiro, jazz, soul, bossa nova e samba. A cantora estreou em álbum dois anos depois, com Marisa Monte. O trabalho incluiu o seu primeiro sucesso, "Bem Que se Quis", versão de Nelson Motta para "E Po' Che fa'", do italiano Pino Daniele. Em 1991, ela começou a mostrar composições próprias no registro Mais, caso de “Beija Eu”, feita com Arnaldo Antunes e Arto Lindsay. Lançado em 1994, o cultuado Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-rosa e Carvão (1994) contou com a participação de nomes como Laurie Anderson, Philip Glass e Naná Vasconcelos. Em 2002, Marisa Monte se reuniu com Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes no projeto Tribalistas, uma produção realizada em estúdio caseiro que rendeu os hits “Já Sei Namorar” e “Velha Infância” e foi contemplado com Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro Contemporâneo. Na sequencia vieram outros álbuns de sua carreira solo, elogiados pela crítica e aplaudidos pelo público. Em 2016, a cantora divulgou Coleções, com músicas garimpadas de parcerias em diferentes momentos de sua carreira e nunca incluídas em trabalhos anteriores.

356x237

Marisa Monte

Uma das cantoras referenciais da música brasileira a partir dos anos 1990, Marisa de Azevedo Monte chegou a estudar canto lírico em Roma antes de estrear profissionalmente. Revelada em 1997 por Nelson Motta, que dirigiu seu primeiro show, Veludo Azul, ela logo se tornaria sensação com um repertório que trazia MPB, rock brasileiro, jazz, soul, bossa nova e samba. A cantora estreou em álbum dois anos depois, com Marisa Monte. O trabalho incluiu o seu primeiro sucesso, "Bem Que se Quis", versão de Nelson Motta para "E Po' Che fa'", do italiano Pino Daniele. Em 1991, ela começou a mostrar composições próprias no registro Mais, caso de “Beija Eu”, feita com Arnaldo Antunes e Arto Lindsay. Lançado em 1994, o cultuado Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-rosa e Carvão (1994) contou com a participação de nomes como Laurie Anderson, Philip Glass e Naná Vasconcelos. Em 2002, Marisa Monte se reuniu com Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes no projeto Tribalistas, uma produção realizada em estúdio caseiro que rendeu os hits “Já Sei Namorar” e “Velha Infância” e foi contemplado com Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro Contemporâneo. Na sequencia vieram outros álbuns de sua carreira solo, elogiados pela crítica e aplaudidos pelo público. Em 2016, a cantora divulgou Coleções, com músicas garimpadas de parcerias em diferentes momentos de sua carreira e nunca incluídas em trabalhos anteriores.

Sobre Marisa Monte

Uma das cantoras referenciais da música brasileira a partir dos anos 1990, Marisa de Azevedo Monte chegou a estudar canto lírico em Roma antes de estrear profissionalmente. Revelada em 1997 por Nelson Motta, que dirigiu seu primeiro show, Veludo Azul, ela logo se tornaria sensação com um repertório que trazia MPB, rock brasileiro, jazz, soul, bossa nova e samba. A cantora estreou em álbum dois anos depois, com Marisa Monte. O trabalho incluiu o seu primeiro sucesso, "Bem Que se Quis", versão de Nelson Motta para "E Po' Che fa'", do italiano Pino Daniele. Em 1991, ela começou a mostrar composições próprias no registro Mais, caso de “Beija Eu”, feita com Arnaldo Antunes e Arto Lindsay. Lançado em 1994, o cultuado Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-rosa e Carvão (1994) contou com a participação de nomes como Laurie Anderson, Philip Glass e Naná Vasconcelos. Em 2002, Marisa Monte se reuniu com Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes no projeto Tribalistas, uma produção realizada em estúdio caseiro que rendeu os hits “Já Sei Namorar” e “Velha Infância” e foi contemplado com Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro Contemporâneo. Na sequencia vieram outros álbuns de sua carreira solo, elogiados pela crítica e aplaudidos pelo público. Em 2016, a cantora divulgou Coleções, com músicas garimpadas de parcerias em diferentes momentos de sua carreira e nunca incluídas em trabalhos anteriores.

Sobre Marisa Monte

Uma das cantoras referenciais da música brasileira a partir dos anos 1990, Marisa de Azevedo Monte chegou a estudar canto lírico em Roma antes de estrear profissionalmente. Revelada em 1997 por Nelson Motta, que dirigiu seu primeiro show, Veludo Azul, ela logo se tornaria sensação com um repertório que trazia MPB, rock brasileiro, jazz, soul, bossa nova e samba. A cantora estreou em álbum dois anos depois, com Marisa Monte. O trabalho incluiu o seu primeiro sucesso, "Bem Que se Quis", versão de Nelson Motta para "E Po' Che fa'", do italiano Pino Daniele. Em 1991, ela começou a mostrar composições próprias no registro Mais, caso de “Beija Eu”, feita com Arnaldo Antunes e Arto Lindsay. Lançado em 1994, o cultuado Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-rosa e Carvão (1994) contou com a participação de nomes como Laurie Anderson, Philip Glass e Naná Vasconcelos. Em 2002, Marisa Monte se reuniu com Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes no projeto Tribalistas, uma produção realizada em estúdio caseiro que rendeu os hits “Já Sei Namorar” e “Velha Infância” e foi contemplado com Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum Pop Brasileiro Contemporâneo. Na sequencia vieram outros álbuns de sua carreira solo, elogiados pela crítica e aplaudidos pelo público. Em 2016, a cantora divulgou Coleções, com músicas garimpadas de parcerias em diferentes momentos de sua carreira e nunca incluídas em trabalhos anteriores.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.