356x237

Artista

Los Tetas

Sobre Los Tetas

A banda chilena de funk surgiu em 1994 e mostrou sua força logo de cara: o álbum de estreia, Mama Funk (1995), graças a hits como “Corazón de Sandia” e “Hormigas Planas”, lhe valeu um Disco de Ouro e o prêmio de grupo revelação da APES (Asosiación de Periodistas y Espectáculos de Chile). Em 1998, um ano após o lançamento de La Medicina, o conjunto deu uma sumida de cena, cercado de rumores de separação. No retorno, já com nova formação, lançou Tómala (2002) e entrou numa fase de muito trabalho, com show de abertura para o Red Hot Chili Peppers no Estádio Nacional do Chile, em Santiago, e apresentações na Argentina, Peru, Bolívia, Colômbia, Venezuela, México e EUA. Em 2004, depois que um de seus integrantes, C-Funk, resolveu partir para um projeto paralelo, Los Tetas fizeram mais uma pausa, até 2012, ano em que divulgaram o EP El Movimiento, com oito faixas, e participaram com sucesso do festival Lollapalooza Chile. Em 2015, em comemoração aos 20 anos de lançamento de Mama Funk, realizaram uma série de shows e soltaram o álbum 20 Anos Mama Funk, com versões novas e energéticas do trabalho de 1995. E continuaram nos palcos em 2016, levando ao badalado festival South by Southwest, nos EUA, seu coquetel sonoro declaradamente influenciado por Funkadelic, Parliament, Red Hot Chili Peppers e Zapp.

356x237

Los Tetas

A banda chilena de funk surgiu em 1994 e mostrou sua força logo de cara: o álbum de estreia, Mama Funk (1995), graças a hits como “Corazón de Sandia” e “Hormigas Planas”, lhe valeu um Disco de Ouro e o prêmio de grupo revelação da APES (Asosiación de Periodistas y Espectáculos de Chile). Em 1998, um ano após o lançamento de La Medicina, o conjunto deu uma sumida de cena, cercado de rumores de separação. No retorno, já com nova formação, lançou Tómala (2002) e entrou numa fase de muito trabalho, com show de abertura para o Red Hot Chili Peppers no Estádio Nacional do Chile, em Santiago, e apresentações na Argentina, Peru, Bolívia, Colômbia, Venezuela, México e EUA. Em 2004, depois que um de seus integrantes, C-Funk, resolveu partir para um projeto paralelo, Los Tetas fizeram mais uma pausa, até 2012, ano em que divulgaram o EP El Movimiento, com oito faixas, e participaram com sucesso do festival Lollapalooza Chile. Em 2015, em comemoração aos 20 anos de lançamento de Mama Funk, realizaram uma série de shows e soltaram o álbum 20 Anos Mama Funk, com versões novas e energéticas do trabalho de 1995. E continuaram nos palcos em 2016, levando ao badalado festival South by Southwest, nos EUA, seu coquetel sonoro declaradamente influenciado por Funkadelic, Parliament, Red Hot Chili Peppers e Zapp.

Sobre Los Tetas

A banda chilena de funk surgiu em 1994 e mostrou sua força logo de cara: o álbum de estreia, Mama Funk (1995), graças a hits como “Corazón de Sandia” e “Hormigas Planas”, lhe valeu um Disco de Ouro e o prêmio de grupo revelação da APES (Asosiación de Periodistas y Espectáculos de Chile). Em 1998, um ano após o lançamento de La Medicina, o conjunto deu uma sumida de cena, cercado de rumores de separação. No retorno, já com nova formação, lançou Tómala (2002) e entrou numa fase de muito trabalho, com show de abertura para o Red Hot Chili Peppers no Estádio Nacional do Chile, em Santiago, e apresentações na Argentina, Peru, Bolívia, Colômbia, Venezuela, México e EUA. Em 2004, depois que um de seus integrantes, C-Funk, resolveu partir para um projeto paralelo, Los Tetas fizeram mais uma pausa, até 2012, ano em que divulgaram o EP El Movimiento, com oito faixas, e participaram com sucesso do festival Lollapalooza Chile. Em 2015, em comemoração aos 20 anos de lançamento de Mama Funk, realizaram uma série de shows e soltaram o álbum 20 Anos Mama Funk, com versões novas e energéticas do trabalho de 1995. E continuaram nos palcos em 2016, levando ao badalado festival South by Southwest, nos EUA, seu coquetel sonoro declaradamente influenciado por Funkadelic, Parliament, Red Hot Chili Peppers e Zapp.

Sobre Los Tetas

A banda chilena de funk surgiu em 1994 e mostrou sua força logo de cara: o álbum de estreia, Mama Funk (1995), graças a hits como “Corazón de Sandia” e “Hormigas Planas”, lhe valeu um Disco de Ouro e o prêmio de grupo revelação da APES (Asosiación de Periodistas y Espectáculos de Chile). Em 1998, um ano após o lançamento de La Medicina, o conjunto deu uma sumida de cena, cercado de rumores de separação. No retorno, já com nova formação, lançou Tómala (2002) e entrou numa fase de muito trabalho, com show de abertura para o Red Hot Chili Peppers no Estádio Nacional do Chile, em Santiago, e apresentações na Argentina, Peru, Bolívia, Colômbia, Venezuela, México e EUA. Em 2004, depois que um de seus integrantes, C-Funk, resolveu partir para um projeto paralelo, Los Tetas fizeram mais uma pausa, até 2012, ano em que divulgaram o EP El Movimiento, com oito faixas, e participaram com sucesso do festival Lollapalooza Chile. Em 2015, em comemoração aos 20 anos de lançamento de Mama Funk, realizaram uma série de shows e soltaram o álbum 20 Anos Mama Funk, com versões novas e energéticas do trabalho de 1995. E continuaram nos palcos em 2016, levando ao badalado festival South by Southwest, nos EUA, seu coquetel sonoro declaradamente influenciado por Funkadelic, Parliament, Red Hot Chili Peppers e Zapp.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.