356x237

Artista

Leandro Lehart

Sobre Leandro Lehart

Nos anos 1990, Leandro Lehart criou, junto com amigos da zona norte da cidade de São Paulo, o Art Popular. Em pouco tempo, o estilo romântico dos rapazes ganhou influências de R&B, reggae, samba rock, pop, gospel e rock, graças à inquietude de Leandro, compositor, arranjador, multi-instrumentista e produtor da formação. Em 2000, o músico resolveu partir para a carreira individual, que se iniciou com os álbuns Solo (2001) e Leandro Lehart (2002). Depois de gravar novamente com o o Art Popular em 2005, no trabalho Sem Abuso ao Vivo, no ano seguinte, com o lançamento de Deixa Eu Ir à Luta, Leandro mostrou que a opção pela trajetória solo não tinha volta. Com um sofisticado estúdio caseiro, ele então engatilhou uma série de registros, entre eles SambaPopBrasil Mestiço (2009), Ensaio de Escola de Samba (2011) e Sambadelik (2015). Curiosamente, uma de suas criações antigas, "Vem Dançar o Mestiço", de 2008, reapareceu em 2016 com o fenômeno da Carreta Furacão, um simplório vídeo que se tornou viral no qual o personagens como Fofão, Capitão América e Popeye dançam a música de Lehart.

356x237

Leandro Lehart

Nos anos 1990, Leandro Lehart criou, junto com amigos da zona norte da cidade de São Paulo, o Art Popular. Em pouco tempo, o estilo romântico dos rapazes ganhou influências de R&B, reggae, samba rock, pop, gospel e rock, graças à inquietude de Leandro, compositor, arranjador, multi-instrumentista e produtor da formação. Em 2000, o músico resolveu partir para a carreira individual, que se iniciou com os álbuns Solo (2001) e Leandro Lehart (2002). Depois de gravar novamente com o o Art Popular em 2005, no trabalho Sem Abuso ao Vivo, no ano seguinte, com o lançamento de Deixa Eu Ir à Luta, Leandro mostrou que a opção pela trajetória solo não tinha volta. Com um sofisticado estúdio caseiro, ele então engatilhou uma série de registros, entre eles SambaPopBrasil Mestiço (2009), Ensaio de Escola de Samba (2011) e Sambadelik (2015). Curiosamente, uma de suas criações antigas, "Vem Dançar o Mestiço", de 2008, reapareceu em 2016 com o fenômeno da Carreta Furacão, um simplório vídeo que se tornou viral no qual o personagens como Fofão, Capitão América e Popeye dançam a música de Lehart.

Sobre Leandro Lehart

Nos anos 1990, Leandro Lehart criou, junto com amigos da zona norte da cidade de São Paulo, o Art Popular. Em pouco tempo, o estilo romântico dos rapazes ganhou influências de R&B, reggae, samba rock, pop, gospel e rock, graças à inquietude de Leandro, compositor, arranjador, multi-instrumentista e produtor da formação. Em 2000, o músico resolveu partir para a carreira individual, que se iniciou com os álbuns Solo (2001) e Leandro Lehart (2002). Depois de gravar novamente com o o Art Popular em 2005, no trabalho Sem Abuso ao Vivo, no ano seguinte, com o lançamento de Deixa Eu Ir à Luta, Leandro mostrou que a opção pela trajetória solo não tinha volta. Com um sofisticado estúdio caseiro, ele então engatilhou uma série de registros, entre eles SambaPopBrasil Mestiço (2009), Ensaio de Escola de Samba (2011) e Sambadelik (2015). Curiosamente, uma de suas criações antigas, "Vem Dançar o Mestiço", de 2008, reapareceu em 2016 com o fenômeno da Carreta Furacão, um simplório vídeo que se tornou viral no qual o personagens como Fofão, Capitão América e Popeye dançam a música de Lehart.

Sobre Leandro Lehart

Nos anos 1990, Leandro Lehart criou, junto com amigos da zona norte da cidade de São Paulo, o Art Popular. Em pouco tempo, o estilo romântico dos rapazes ganhou influências de R&B, reggae, samba rock, pop, gospel e rock, graças à inquietude de Leandro, compositor, arranjador, multi-instrumentista e produtor da formação. Em 2000, o músico resolveu partir para a carreira individual, que se iniciou com os álbuns Solo (2001) e Leandro Lehart (2002). Depois de gravar novamente com o o Art Popular em 2005, no trabalho Sem Abuso ao Vivo, no ano seguinte, com o lançamento de Deixa Eu Ir à Luta, Leandro mostrou que a opção pela trajetória solo não tinha volta. Com um sofisticado estúdio caseiro, ele então engatilhou uma série de registros, entre eles SambaPopBrasil Mestiço (2009), Ensaio de Escola de Samba (2011) e Sambadelik (2015). Curiosamente, uma de suas criações antigas, "Vem Dançar o Mestiço", de 2008, reapareceu em 2016 com o fenômeno da Carreta Furacão, um simplório vídeo que se tornou viral no qual o personagens como Fofão, Capitão América e Popeye dançam a música de Lehart.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.