356x237

Artista

Joss Stone

Sobre Joss Stone

Com apenas 13 anos, a inglesa Joss Stone se apresentou em um programa de TV da BBC cantando “Natural Woman”, o clássico de Aretha Franklin, a mais decisiva influência na sua vontade de se tornar cantora. Aos 15, fez sua primeira gravação demo e, graças à voz rouca e interpretação surpreendentemente segura para uma adolescente, aos 16 anos conseguiria gravar o primeiro álbum, The Soul Sessions (2003), com destaque para covers de Aretha Franklin ("All the King’s Horses”) e The White Stripes (“Fell in Love with a Boy”). Já Mind, Body and Soul, trazendo composições próprias, como “Spoiled” e “Right to be Wrong”, a levaria ao topo das paradas britânicas. Depois de gravar com ícones como Herbie Hancock e Santana, lançou em 2007 Introducing Joss Stone, que não repetiu o sucesso dos álbuns anteriores. Nesse mesmo ano, venceu o Grammy de Melhor Dueto com a regravação de “Family Affair”, feita com o grupo californiano de soul psicodélico Sly and the Stone Family. O álbum Soul Sessions nº 2 (2012) sinaliza um retorno ao repertório e estilo de interpretação que fizeram de Joss Stone uma das mais celebradas vozes do moderno soul e R&B britânico.

356x237

Joss Stone

Com apenas 13 anos, a inglesa Joss Stone se apresentou em um programa de TV da BBC cantando “Natural Woman”, o clássico de Aretha Franklin, a mais decisiva influência na sua vontade de se tornar cantora. Aos 15, fez sua primeira gravação demo e, graças à voz rouca e interpretação surpreendentemente segura para uma adolescente, aos 16 anos conseguiria gravar o primeiro álbum, The Soul Sessions (2003), com destaque para covers de Aretha Franklin ("All the King’s Horses”) e The White Stripes (“Fell in Love with a Boy”). Já Mind, Body and Soul, trazendo composições próprias, como “Spoiled” e “Right to be Wrong”, a levaria ao topo das paradas britânicas. Depois de gravar com ícones como Herbie Hancock e Santana, lançou em 2007 Introducing Joss Stone, que não repetiu o sucesso dos álbuns anteriores. Nesse mesmo ano, venceu o Grammy de Melhor Dueto com a regravação de “Family Affair”, feita com o grupo californiano de soul psicodélico Sly and the Stone Family. O álbum Soul Sessions nº 2 (2012) sinaliza um retorno ao repertório e estilo de interpretação que fizeram de Joss Stone uma das mais celebradas vozes do moderno soul e R&B britânico.

Sobre Joss Stone

Com apenas 13 anos, a inglesa Joss Stone se apresentou em um programa de TV da BBC cantando “Natural Woman”, o clássico de Aretha Franklin, a mais decisiva influência na sua vontade de se tornar cantora. Aos 15, fez sua primeira gravação demo e, graças à voz rouca e interpretação surpreendentemente segura para uma adolescente, aos 16 anos conseguiria gravar o primeiro álbum, The Soul Sessions (2003), com destaque para covers de Aretha Franklin ("All the King’s Horses”) e The White Stripes (“Fell in Love with a Boy”). Já Mind, Body and Soul, trazendo composições próprias, como “Spoiled” e “Right to be Wrong”, a levaria ao topo das paradas britânicas. Depois de gravar com ícones como Herbie Hancock e Santana, lançou em 2007 Introducing Joss Stone, que não repetiu o sucesso dos álbuns anteriores. Nesse mesmo ano, venceu o Grammy de Melhor Dueto com a regravação de “Family Affair”, feita com o grupo californiano de soul psicodélico Sly and the Stone Family. O álbum Soul Sessions nº 2 (2012) sinaliza um retorno ao repertório e estilo de interpretação que fizeram de Joss Stone uma das mais celebradas vozes do moderno soul e R&B britânico.

Sobre Joss Stone

Com apenas 13 anos, a inglesa Joss Stone se apresentou em um programa de TV da BBC cantando “Natural Woman”, o clássico de Aretha Franklin, a mais decisiva influência na sua vontade de se tornar cantora. Aos 15, fez sua primeira gravação demo e, graças à voz rouca e interpretação surpreendentemente segura para uma adolescente, aos 16 anos conseguiria gravar o primeiro álbum, The Soul Sessions (2003), com destaque para covers de Aretha Franklin ("All the King’s Horses”) e The White Stripes (“Fell in Love with a Boy”). Já Mind, Body and Soul, trazendo composições próprias, como “Spoiled” e “Right to be Wrong”, a levaria ao topo das paradas britânicas. Depois de gravar com ícones como Herbie Hancock e Santana, lançou em 2007 Introducing Joss Stone, que não repetiu o sucesso dos álbuns anteriores. Nesse mesmo ano, venceu o Grammy de Melhor Dueto com a regravação de “Family Affair”, feita com o grupo californiano de soul psicodélico Sly and the Stone Family. O álbum Soul Sessions nº 2 (2012) sinaliza um retorno ao repertório e estilo de interpretação que fizeram de Joss Stone uma das mais celebradas vozes do moderno soul e R&B britânico.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.