356x237

Artista

Joelma

Sobre Joelma

A cantora paraense começou a carreira como vocalista da banda Fazendo Arte, aos 19 anos. Quando preparava o primeiro disco solo, conheceu o guitarrista Chimbinha, com quem se casou. O trabalho, que era para ser individual, acabou virando a banda Calypso, que durou de 1999 a 2015 e se tornou sucesso com uma mistura de ritmos brasileiros, especialmente os oriundos do Pará, como a guitarrada e o forró eletrônico, uma pegada dançante e forte aproximação com a chamada música brega. Com o fim do casamento e a saída da Calypso, Joelma lançou a primeira música solo, “Pa’lante”, no final de 2015, seguida por “Te Quiero” – esta em duas versões, uma em dueto com o cantor americano de origem dominicana Johnny Sky. Em 2016, num show em Goiânia, ela mostrou que pretende manter suas coreografias dançantes, a cabeleira loura e as roupas coloridas e exóticas com as quais se destacou no Calypso. E com seu primeiro EP da nova fase, que traz as faixas “Ai Coração”, “Se Vira Aí”, “A Página Virou” e “Não Teve Amor”, antecipou o lançamento do primeiro álbum solo, Avante.

356x237

Joelma

A cantora paraense começou a carreira como vocalista da banda Fazendo Arte, aos 19 anos. Quando preparava o primeiro disco solo, conheceu o guitarrista Chimbinha, com quem se casou. O trabalho, que era para ser individual, acabou virando a banda Calypso, que durou de 1999 a 2015 e se tornou sucesso com uma mistura de ritmos brasileiros, especialmente os oriundos do Pará, como a guitarrada e o forró eletrônico, uma pegada dançante e forte aproximação com a chamada música brega. Com o fim do casamento e a saída da Calypso, Joelma lançou a primeira música solo, “Pa’lante”, no final de 2015, seguida por “Te Quiero” – esta em duas versões, uma em dueto com o cantor americano de origem dominicana Johnny Sky. Em 2016, num show em Goiânia, ela mostrou que pretende manter suas coreografias dançantes, a cabeleira loura e as roupas coloridas e exóticas com as quais se destacou no Calypso. E com seu primeiro EP da nova fase, que traz as faixas “Ai Coração”, “Se Vira Aí”, “A Página Virou” e “Não Teve Amor”, antecipou o lançamento do primeiro álbum solo, Avante.

Sobre Joelma

A cantora paraense começou a carreira como vocalista da banda Fazendo Arte, aos 19 anos. Quando preparava o primeiro disco solo, conheceu o guitarrista Chimbinha, com quem se casou. O trabalho, que era para ser individual, acabou virando a banda Calypso, que durou de 1999 a 2015 e se tornou sucesso com uma mistura de ritmos brasileiros, especialmente os oriundos do Pará, como a guitarrada e o forró eletrônico, uma pegada dançante e forte aproximação com a chamada música brega. Com o fim do casamento e a saída da Calypso, Joelma lançou a primeira música solo, “Pa’lante”, no final de 2015, seguida por “Te Quiero” – esta em duas versões, uma em dueto com o cantor americano de origem dominicana Johnny Sky. Em 2016, num show em Goiânia, ela mostrou que pretende manter suas coreografias dançantes, a cabeleira loura e as roupas coloridas e exóticas com as quais se destacou no Calypso. E com seu primeiro EP da nova fase, que traz as faixas “Ai Coração”, “Se Vira Aí”, “A Página Virou” e “Não Teve Amor”, antecipou o lançamento do primeiro álbum solo, Avante.

Sobre Joelma

A cantora paraense começou a carreira como vocalista da banda Fazendo Arte, aos 19 anos. Quando preparava o primeiro disco solo, conheceu o guitarrista Chimbinha, com quem se casou. O trabalho, que era para ser individual, acabou virando a banda Calypso, que durou de 1999 a 2015 e se tornou sucesso com uma mistura de ritmos brasileiros, especialmente os oriundos do Pará, como a guitarrada e o forró eletrônico, uma pegada dançante e forte aproximação com a chamada música brega. Com o fim do casamento e a saída da Calypso, Joelma lançou a primeira música solo, “Pa’lante”, no final de 2015, seguida por “Te Quiero” – esta em duas versões, uma em dueto com o cantor americano de origem dominicana Johnny Sky. Em 2016, num show em Goiânia, ela mostrou que pretende manter suas coreografias dançantes, a cabeleira loura e as roupas coloridas e exóticas com as quais se destacou no Calypso. E com seu primeiro EP da nova fase, que traz as faixas “Ai Coração”, “Se Vira Aí”, “A Página Virou” e “Não Teve Amor”, antecipou o lançamento do primeiro álbum solo, Avante.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.