356x237

Artista

Far From Alaska

Sobre Far From Alaska

Um dos nomes mais elogiados da nova safra do rock brasileiro, o Far from Alaska foi formado por amigos de longa data em Natal e radicou-se em São Paulo em 2014. Com letras em inglês e influência de bandas como Queens of the Stone Age e Rage Against the Machine, a banda lançou seu primeiro trabalho em 2012. As quatro faixas do EP Stereochrome seriam depois incluídas no álbum de estreia, modeHuman, que chegou ao mercado menos de dois anos depois, pela gravadora Deckdisc. O registro chamou a atenção especialmente por músicas como “Dino vs. Dino” e “About Knives”. A boa recepção rendeu uma apresentação no Lollapalooza Brasil de 2015. Ainda que os riffs pesados e letárgicos remetam ao stoner rock, o Far from Alaska flerta também com o indie, com linhas vocais melódicas de Emmily Barreto e o uso de sintetizadores. Em abril de 2016, o grupo divulgou o single “Chills”.

356x237

Far From Alaska

Um dos nomes mais elogiados da nova safra do rock brasileiro, o Far from Alaska foi formado por amigos de longa data em Natal e radicou-se em São Paulo em 2014. Com letras em inglês e influência de bandas como Queens of the Stone Age e Rage Against the Machine, a banda lançou seu primeiro trabalho em 2012. As quatro faixas do EP Stereochrome seriam depois incluídas no álbum de estreia, modeHuman, que chegou ao mercado menos de dois anos depois, pela gravadora Deckdisc. O registro chamou a atenção especialmente por músicas como “Dino vs. Dino” e “About Knives”. A boa recepção rendeu uma apresentação no Lollapalooza Brasil de 2015. Ainda que os riffs pesados e letárgicos remetam ao stoner rock, o Far from Alaska flerta também com o indie, com linhas vocais melódicas de Emmily Barreto e o uso de sintetizadores. Em abril de 2016, o grupo divulgou o single “Chills”.

Sobre Far From Alaska

Um dos nomes mais elogiados da nova safra do rock brasileiro, o Far from Alaska foi formado por amigos de longa data em Natal e radicou-se em São Paulo em 2014. Com letras em inglês e influência de bandas como Queens of the Stone Age e Rage Against the Machine, a banda lançou seu primeiro trabalho em 2012. As quatro faixas do EP Stereochrome seriam depois incluídas no álbum de estreia, modeHuman, que chegou ao mercado menos de dois anos depois, pela gravadora Deckdisc. O registro chamou a atenção especialmente por músicas como “Dino vs. Dino” e “About Knives”. A boa recepção rendeu uma apresentação no Lollapalooza Brasil de 2015. Ainda que os riffs pesados e letárgicos remetam ao stoner rock, o Far from Alaska flerta também com o indie, com linhas vocais melódicas de Emmily Barreto e o uso de sintetizadores. Em abril de 2016, o grupo divulgou o single “Chills”.

Sobre Far From Alaska

Um dos nomes mais elogiados da nova safra do rock brasileiro, o Far from Alaska foi formado por amigos de longa data em Natal e radicou-se em São Paulo em 2014. Com letras em inglês e influência de bandas como Queens of the Stone Age e Rage Against the Machine, a banda lançou seu primeiro trabalho em 2012. As quatro faixas do EP Stereochrome seriam depois incluídas no álbum de estreia, modeHuman, que chegou ao mercado menos de dois anos depois, pela gravadora Deckdisc. O registro chamou a atenção especialmente por músicas como “Dino vs. Dino” e “About Knives”. A boa recepção rendeu uma apresentação no Lollapalooza Brasil de 2015. Ainda que os riffs pesados e letárgicos remetam ao stoner rock, o Far from Alaska flerta também com o indie, com linhas vocais melódicas de Emmily Barreto e o uso de sintetizadores. Em abril de 2016, o grupo divulgou o single “Chills”.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.