356x237

Artista

Fagner

Sobre Fagner

Fagner nunca foi de seguir rótulos. Ainda jovem, Raimundo Fagner Cândido Lopes, nascido em 13 de outubro de 1949 em Orós, Ceará, mas criado na capital, Fortaleza, começava a fazer sucesso nos festivais de seu estado quando decidiu mudar-se para Brasília e estudar arquitetura. Lá, ganhou destaque com a canção “Mucuripe” (parceria com Belchior). Em 1971, já no Rio de Janeiro, cedeu a mesma música para Elis Regina gravar e começou a provar o sucesso. Veio o primeiro álbum – Manera, Fru Fru, Manera, de 1973 – com uma de suas grandes canções, “Canteiros” (“E eu ainda sou bem moço pra tanta tristeza/ E deixemos de coisa, cuidemos da vida / Pois senão chega a morte/ Ou coisa parecida/ E nos arrasta moço /Sem ter visto a vida”, letra adaptada de poema de Cecília Meireles). Nos anos 1980, Fagner faria grande sucesso com músicas como “Deslizes”. Nos anos 1990, “Borbulhas de Amor”. Fagner já lançou 29 álbuns, incluindo regravações de bossa nova, forró, canções românticas e poemas musicados, sem prender-se a um estilo único.

356x237

Fagner

Fagner nunca foi de seguir rótulos. Ainda jovem, Raimundo Fagner Cândido Lopes, nascido em 13 de outubro de 1949 em Orós, Ceará, mas criado na capital, Fortaleza, começava a fazer sucesso nos festivais de seu estado quando decidiu mudar-se para Brasília e estudar arquitetura. Lá, ganhou destaque com a canção “Mucuripe” (parceria com Belchior). Em 1971, já no Rio de Janeiro, cedeu a mesma música para Elis Regina gravar e começou a provar o sucesso. Veio o primeiro álbum – Manera, Fru Fru, Manera, de 1973 – com uma de suas grandes canções, “Canteiros” (“E eu ainda sou bem moço pra tanta tristeza/ E deixemos de coisa, cuidemos da vida / Pois senão chega a morte/ Ou coisa parecida/ E nos arrasta moço /Sem ter visto a vida”, letra adaptada de poema de Cecília Meireles). Nos anos 1980, Fagner faria grande sucesso com músicas como “Deslizes”. Nos anos 1990, “Borbulhas de Amor”. Fagner já lançou 29 álbuns, incluindo regravações de bossa nova, forró, canções românticas e poemas musicados, sem prender-se a um estilo único.

Sobre Fagner

Fagner nunca foi de seguir rótulos. Ainda jovem, Raimundo Fagner Cândido Lopes, nascido em 13 de outubro de 1949 em Orós, Ceará, mas criado na capital, Fortaleza, começava a fazer sucesso nos festivais de seu estado quando decidiu mudar-se para Brasília e estudar arquitetura. Lá, ganhou destaque com a canção “Mucuripe” (parceria com Belchior). Em 1971, já no Rio de Janeiro, cedeu a mesma música para Elis Regina gravar e começou a provar o sucesso. Veio o primeiro álbum – Manera, Fru Fru, Manera, de 1973 – com uma de suas grandes canções, “Canteiros” (“E eu ainda sou bem moço pra tanta tristeza/ E deixemos de coisa, cuidemos da vida / Pois senão chega a morte/ Ou coisa parecida/ E nos arrasta moço /Sem ter visto a vida”, letra adaptada de poema de Cecília Meireles). Nos anos 1980, Fagner faria grande sucesso com músicas como “Deslizes”. Nos anos 1990, “Borbulhas de Amor”. Fagner já lançou 29 álbuns, incluindo regravações de bossa nova, forró, canções românticas e poemas musicados, sem prender-se a um estilo único.

Sobre Fagner

Fagner nunca foi de seguir rótulos. Ainda jovem, Raimundo Fagner Cândido Lopes, nascido em 13 de outubro de 1949 em Orós, Ceará, mas criado na capital, Fortaleza, começava a fazer sucesso nos festivais de seu estado quando decidiu mudar-se para Brasília e estudar arquitetura. Lá, ganhou destaque com a canção “Mucuripe” (parceria com Belchior). Em 1971, já no Rio de Janeiro, cedeu a mesma música para Elis Regina gravar e começou a provar o sucesso. Veio o primeiro álbum – Manera, Fru Fru, Manera, de 1973 – com uma de suas grandes canções, “Canteiros” (“E eu ainda sou bem moço pra tanta tristeza/ E deixemos de coisa, cuidemos da vida / Pois senão chega a morte/ Ou coisa parecida/ E nos arrasta moço /Sem ter visto a vida”, letra adaptada de poema de Cecília Meireles). Nos anos 1980, Fagner faria grande sucesso com músicas como “Deslizes”. Nos anos 1990, “Borbulhas de Amor”. Fagner já lançou 29 álbuns, incluindo regravações de bossa nova, forró, canções românticas e poemas musicados, sem prender-se a um estilo único.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.