356x237

Artista

Carpenters

Sobre Carpenters

Tudo começou quando os irmãos Richard (teclados, arranjos e composições) e Karen Carpenter (vocal e bateria) resolveram tocar juntos em dois projetos, o jazzista The Richard Carpenter Trio e o pop Spectrum. Ambos acabaram em 1968. O duo então gravou demos até que a gravadora A&M apostou em seu trabalho. Foi a partir do segundo álbum, Close to You (1970), que o sucesso veio de fato, graças a hits como “(They Long to Be) Close To You” e “We’ve Only Just Begun”. De quebra, os Carpenters ganharam o Grammy como banda revelação de 1970. Com boas melodias, canções românticas e arranjos impecáveis, a dupla quebrou recordes de vendas até 1974, emplacando nas paradas de todo o mundo canções como “Rainy Days and Mondays”, “Superstar”, “Hurting Each Other” e “Top of the World”. Após o estouro do single “Please Mr. Postman”, em 1975, no entanto, o êxito dos Carpenters arrefeceu, sem contar os problemas de saúde de Richard, viciado em estimulantes, e de Karen, que desenvolveu uma anorexia nervosa. Um novo registro de inéditas do duo chegou ao mercado em 1981, Made in America, com repercussão apenas moderada. Com a morte de Karen, em 1983, foram lançados alguns registros póstumos do duo, que continua sendo cultuado pelos fãs de música pop. Richard produziu dois trabalhos solo e se mantém longe dos holofotes, com raras aparições públicas.

356x237

Carpenters

Tudo começou quando os irmãos Richard (teclados, arranjos e composições) e Karen Carpenter (vocal e bateria) resolveram tocar juntos em dois projetos, o jazzista The Richard Carpenter Trio e o pop Spectrum. Ambos acabaram em 1968. O duo então gravou demos até que a gravadora A&M apostou em seu trabalho. Foi a partir do segundo álbum, Close to You (1970), que o sucesso veio de fato, graças a hits como “(They Long to Be) Close To You” e “We’ve Only Just Begun”. De quebra, os Carpenters ganharam o Grammy como banda revelação de 1970. Com boas melodias, canções românticas e arranjos impecáveis, a dupla quebrou recordes de vendas até 1974, emplacando nas paradas de todo o mundo canções como “Rainy Days and Mondays”, “Superstar”, “Hurting Each Other” e “Top of the World”. Após o estouro do single “Please Mr. Postman”, em 1975, no entanto, o êxito dos Carpenters arrefeceu, sem contar os problemas de saúde de Richard, viciado em estimulantes, e de Karen, que desenvolveu uma anorexia nervosa. Um novo registro de inéditas do duo chegou ao mercado em 1981, Made in America, com repercussão apenas moderada. Com a morte de Karen, em 1983, foram lançados alguns registros póstumos do duo, que continua sendo cultuado pelos fãs de música pop. Richard produziu dois trabalhos solo e se mantém longe dos holofotes, com raras aparições públicas.

Sobre Carpenters

Tudo começou quando os irmãos Richard (teclados, arranjos e composições) e Karen Carpenter (vocal e bateria) resolveram tocar juntos em dois projetos, o jazzista The Richard Carpenter Trio e o pop Spectrum. Ambos acabaram em 1968. O duo então gravou demos até que a gravadora A&M apostou em seu trabalho. Foi a partir do segundo álbum, Close to You (1970), que o sucesso veio de fato, graças a hits como “(They Long to Be) Close To You” e “We’ve Only Just Begun”. De quebra, os Carpenters ganharam o Grammy como banda revelação de 1970. Com boas melodias, canções românticas e arranjos impecáveis, a dupla quebrou recordes de vendas até 1974, emplacando nas paradas de todo o mundo canções como “Rainy Days and Mondays”, “Superstar”, “Hurting Each Other” e “Top of the World”. Após o estouro do single “Please Mr. Postman”, em 1975, no entanto, o êxito dos Carpenters arrefeceu, sem contar os problemas de saúde de Richard, viciado em estimulantes, e de Karen, que desenvolveu uma anorexia nervosa. Um novo registro de inéditas do duo chegou ao mercado em 1981, Made in America, com repercussão apenas moderada. Com a morte de Karen, em 1983, foram lançados alguns registros póstumos do duo, que continua sendo cultuado pelos fãs de música pop. Richard produziu dois trabalhos solo e se mantém longe dos holofotes, com raras aparições públicas.

Sobre Carpenters

Tudo começou quando os irmãos Richard (teclados, arranjos e composições) e Karen Carpenter (vocal e bateria) resolveram tocar juntos em dois projetos, o jazzista The Richard Carpenter Trio e o pop Spectrum. Ambos acabaram em 1968. O duo então gravou demos até que a gravadora A&M apostou em seu trabalho. Foi a partir do segundo álbum, Close to You (1970), que o sucesso veio de fato, graças a hits como “(They Long to Be) Close To You” e “We’ve Only Just Begun”. De quebra, os Carpenters ganharam o Grammy como banda revelação de 1970. Com boas melodias, canções românticas e arranjos impecáveis, a dupla quebrou recordes de vendas até 1974, emplacando nas paradas de todo o mundo canções como “Rainy Days and Mondays”, “Superstar”, “Hurting Each Other” e “Top of the World”. Após o estouro do single “Please Mr. Postman”, em 1975, no entanto, o êxito dos Carpenters arrefeceu, sem contar os problemas de saúde de Richard, viciado em estimulantes, e de Karen, que desenvolveu uma anorexia nervosa. Um novo registro de inéditas do duo chegou ao mercado em 1981, Made in America, com repercussão apenas moderada. Com a morte de Karen, em 1983, foram lançados alguns registros póstumos do duo, que continua sendo cultuado pelos fãs de música pop. Richard produziu dois trabalhos solo e se mantém longe dos holofotes, com raras aparições públicas.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.