356x237

Artista

Carolina La O

Sobre Carolina La O

A trajetória musical da colombiana Carolina Ovalle Arango começou na década de 1990, quando integrou a banda de salsa e cumbia Alquimia La Sonora del XXI, que prestava tributo ao combo cubano La Sonora Matancera. Em 1998, ela teve a oportunidade de dividir o palco com uma referência em sua vida, a cantora cubana Celia Cruz. No ano seguinte, teve início a carreira solo de Carolina La O. Em El Son de Ahora, a artista perseguiu o mesmo tipo de som de seu antigo conjunto. Já com Dulce Veneno, (2001) mostrou um repertório mais abrangente, com baladas e rancheras, além de salsas. Em 2004, Carolina ampliou seu cartaz participando de um reality show do canal Telemundo. Sua imagem ficou mais sensual a partir do álbum De Mi Fuego (2006), voltando a mergulhar na salsa mais tradicional com Em Reencuentro con los Gemelos (2009). Um trabalho mais romântico marcou seu lançamento de 2016: Clásicos Que Enamoran.

356x237

Carolina La O

A trajetória musical da colombiana Carolina Ovalle Arango começou na década de 1990, quando integrou a banda de salsa e cumbia Alquimia La Sonora del XXI, que prestava tributo ao combo cubano La Sonora Matancera. Em 1998, ela teve a oportunidade de dividir o palco com uma referência em sua vida, a cantora cubana Celia Cruz. No ano seguinte, teve início a carreira solo de Carolina La O. Em El Son de Ahora, a artista perseguiu o mesmo tipo de som de seu antigo conjunto. Já com Dulce Veneno, (2001) mostrou um repertório mais abrangente, com baladas e rancheras, além de salsas. Em 2004, Carolina ampliou seu cartaz participando de um reality show do canal Telemundo. Sua imagem ficou mais sensual a partir do álbum De Mi Fuego (2006), voltando a mergulhar na salsa mais tradicional com Em Reencuentro con los Gemelos (2009). Um trabalho mais romântico marcou seu lançamento de 2016: Clásicos Que Enamoran.

Sobre Carolina La O

A trajetória musical da colombiana Carolina Ovalle Arango começou na década de 1990, quando integrou a banda de salsa e cumbia Alquimia La Sonora del XXI, que prestava tributo ao combo cubano La Sonora Matancera. Em 1998, ela teve a oportunidade de dividir o palco com uma referência em sua vida, a cantora cubana Celia Cruz. No ano seguinte, teve início a carreira solo de Carolina La O. Em El Son de Ahora, a artista perseguiu o mesmo tipo de som de seu antigo conjunto. Já com Dulce Veneno, (2001) mostrou um repertório mais abrangente, com baladas e rancheras, além de salsas. Em 2004, Carolina ampliou seu cartaz participando de um reality show do canal Telemundo. Sua imagem ficou mais sensual a partir do álbum De Mi Fuego (2006), voltando a mergulhar na salsa mais tradicional com Em Reencuentro con los Gemelos (2009). Um trabalho mais romântico marcou seu lançamento de 2016: Clásicos Que Enamoran.

Sobre Carolina La O

A trajetória musical da colombiana Carolina Ovalle Arango começou na década de 1990, quando integrou a banda de salsa e cumbia Alquimia La Sonora del XXI, que prestava tributo ao combo cubano La Sonora Matancera. Em 1998, ela teve a oportunidade de dividir o palco com uma referência em sua vida, a cantora cubana Celia Cruz. No ano seguinte, teve início a carreira solo de Carolina La O. Em El Son de Ahora, a artista perseguiu o mesmo tipo de som de seu antigo conjunto. Já com Dulce Veneno, (2001) mostrou um repertório mais abrangente, com baladas e rancheras, além de salsas. Em 2004, Carolina ampliou seu cartaz participando de um reality show do canal Telemundo. Sua imagem ficou mais sensual a partir do álbum De Mi Fuego (2006), voltando a mergulhar na salsa mais tradicional com Em Reencuentro con los Gemelos (2009). Um trabalho mais romântico marcou seu lançamento de 2016: Clásicos Que Enamoran.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.