356x237

Artista

Dinah Washington

Sobre Dinah Washington

Nascida Ruth Lee Jones, a cantora e pianista de jazz Dinah Washington (1924-1963) também passeou por estilos como blues, R&B e pop e chegou a ser considerada uma das artistas negras mais populares dos anos 1950. Começou a gravar no começo da década anterior, ainda saindo da adolescência. Em 1944, entrou no Harlem Hit Parade da Billboard com “Salty Papa Blues” e “Evil Gal Blues”. Já como artista contratada da Mercury Records, lançou sua versão para “Ain’t Misbehavin’”, de Fats Waller. A bela estreia deu início a uma marca de 27 hits no top 10 de R&B, de 1948 a 1955. Entre os sucessos desse período, destacam-se “Baby Get Lost”, “I Wanna Be Lost” e “Cold, Cold Heart”. Dinah gravou também com grandes nomes do jazz, casos de Clark Terry e Clifford Brown, que participaram de Dinah Jams (1954). Também colaborou com Ben Webster e Cannonball Adderley, e sua influência na música atravessou gerações, alcançando artistas como Amy Winehouse (1983-2011), que declarava ter aprendido a cantar ouvindo Dinah Washington.

356x237

Dinah Washington

Nascida Ruth Lee Jones, a cantora e pianista de jazz Dinah Washington (1924-1963) também passeou por estilos como blues, R&B e pop e chegou a ser considerada uma das artistas negras mais populares dos anos 1950. Começou a gravar no começo da década anterior, ainda saindo da adolescência. Em 1944, entrou no Harlem Hit Parade da Billboard com “Salty Papa Blues” e “Evil Gal Blues”. Já como artista contratada da Mercury Records, lançou sua versão para “Ain’t Misbehavin’”, de Fats Waller. A bela estreia deu início a uma marca de 27 hits no top 10 de R&B, de 1948 a 1955. Entre os sucessos desse período, destacam-se “Baby Get Lost”, “I Wanna Be Lost” e “Cold, Cold Heart”. Dinah gravou também com grandes nomes do jazz, casos de Clark Terry e Clifford Brown, que participaram de Dinah Jams (1954). Também colaborou com Ben Webster e Cannonball Adderley, e sua influência na música atravessou gerações, alcançando artistas como Amy Winehouse (1983-2011), que declarava ter aprendido a cantar ouvindo Dinah Washington.

Sobre Dinah Washington

Nascida Ruth Lee Jones, a cantora e pianista de jazz Dinah Washington (1924-1963) também passeou por estilos como blues, R&B e pop e chegou a ser considerada uma das artistas negras mais populares dos anos 1950. Começou a gravar no começo da década anterior, ainda saindo da adolescência. Em 1944, entrou no Harlem Hit Parade da Billboard com “Salty Papa Blues” e “Evil Gal Blues”. Já como artista contratada da Mercury Records, lançou sua versão para “Ain’t Misbehavin’”, de Fats Waller. A bela estreia deu início a uma marca de 27 hits no top 10 de R&B, de 1948 a 1955. Entre os sucessos desse período, destacam-se “Baby Get Lost”, “I Wanna Be Lost” e “Cold, Cold Heart”. Dinah gravou também com grandes nomes do jazz, casos de Clark Terry e Clifford Brown, que participaram de Dinah Jams (1954). Também colaborou com Ben Webster e Cannonball Adderley, e sua influência na música atravessou gerações, alcançando artistas como Amy Winehouse (1983-2011), que declarava ter aprendido a cantar ouvindo Dinah Washington.

Sobre Dinah Washington

Nascida Ruth Lee Jones, a cantora e pianista de jazz Dinah Washington (1924-1963) também passeou por estilos como blues, R&B e pop e chegou a ser considerada uma das artistas negras mais populares dos anos 1950. Começou a gravar no começo da década anterior, ainda saindo da adolescência. Em 1944, entrou no Harlem Hit Parade da Billboard com “Salty Papa Blues” e “Evil Gal Blues”. Já como artista contratada da Mercury Records, lançou sua versão para “Ain’t Misbehavin’”, de Fats Waller. A bela estreia deu início a uma marca de 27 hits no top 10 de R&B, de 1948 a 1955. Entre os sucessos desse período, destacam-se “Baby Get Lost”, “I Wanna Be Lost” e “Cold, Cold Heart”. Dinah gravou também com grandes nomes do jazz, casos de Clark Terry e Clifford Brown, que participaram de Dinah Jams (1954). Também colaborou com Ben Webster e Cannonball Adderley, e sua influência na música atravessou gerações, alcançando artistas como Amy Winehouse (1983-2011), que declarava ter aprendido a cantar ouvindo Dinah Washington.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.

Músicas ilimitadas em qualquer lugar. Milhões de músicas em todos os gêneros.

Disponível em iOS, Android, Windows e Web.